Escolha a boa parte -O que faltava então a Marta?

Marta e Maria são duas mulheres retratadas na Bíblia com muito a nos ensinar. Elas moravam em um povoado chamado Betânia. Certa vez, Jesus chegou à casa delas, uma visita ilustre, e Marta o recebeu como uma anfitriã hospitaleira. Era costume daquela cultura receber muito bem os hóspedes, oferecer sempre o melhor, preparar comida com excelência e servir.

Enquanto Marta corria de um lado para o outro na tentativa de receber o seu hóspede da melhor forma possível, afinal, era Jesus quem estava ali em sua casa, Maria sentou-se aos pés do Mestre para ouvir os seus ensinamentos. Quando Marta percebeu que estava fazendo tudo sozinha ela reclamou com Jesus a respeito de sua irmã: “Senhor, não se te dá que minha irmã me deixa servir sozinha? Mande que me ajude” (Lucas 10:40).

Não são raros os críticos de Marta. É comum encontrarmos inúmeras críticas a ela. Como o mestre estaria em sua casa e ela se ocuparia com serviços domésticos? Marta amava Jesus assim como Maria. A forma como ela se agitava de um lado para o outro refletia a sua preocupação em querer agradar o mais ilustre de todos os convidados, Jesus! Então, Cristo responde: Marta, Marta, estás ansiosa e afadigada com muitas coisas, mas só uma é necessária. Maria escolheu a boa parte, a qual não lhe será tirada” (Lucas 10:41 e 42).

O amor existia e o desejo de agradar também. O que faltava então a Marta? Definir corretamente as prioridades! Talvez eu e você teríamos reagido como Marta. Imagine por um minuto Jesus chegando em sua casa. Seria extraordinário! Talvez quiséssemos oferecer a melhor comida, estender a melhor toalha de mesa, colocá-lo no melhor cômodo da casa, não é mesmo? Trazendo uma aplicação prática, quantos de nós temos corrido de um lado para o outro, ocupados com tantas atividades e atolados até o pescoço?

Quantas pessoas com boas intenções, mas que não param para ouvir a voz de Deus? Isso não se aplica apenas aos trabalhos seculares não. Aplica-se também a ministérios e trabalhos dentro da igreja. Preenchemos uma agenda de segunda à segunda servindo na igreja local, mas não tiramos um tempo do nosso dia para estarmos a só com Deus, ouvir palavras direto da fonte, aos pés do Mestre.

Maria escolheu a boa parte! Quando paramos tudo ao nosso redor e deixamos de lado os fatores externos, nós O ouvimos. Convido você hoje a parar um pouco mais, respirar um pouco mais, rever suas prioridades, reservar um tempo para estar a sós com Deus, busque comunhão e intimidade, estreite sua amizade com Ele.

Existe uma letra de uma canção que fala tanto aos nossos corações: “Eu não quero estar aqui por obrigação, por religião, eu só quero estar aqui porque te amo. Eu não quero estar aqui para fazer uma canção, nem para pedir algo de Tuas mãos, eu só quero estar aqui porque Te amo. Porque Te amo eu paro todas as coisas, Porque Te amo me prostro diante de Ti, Porque Te amo escolho a boa parte, Que é estar aqui, Que é Te adorar, que é te ouvir, que estar aqui, porque te amo”.

Escolha a boa parte!

 

Lorena Carolino

Lorena Carolino

Cristã, jornalista, membro da Bola de Neve Brasília e apaixonada por Jesus.

Compartilhe